Show simple item record

dc.contributor.authorJorge Pais de Sousa*
dc.date.accessioned2021-02-12T06:51:09Z
dc.date.available2021-02-12T06:51:09Z
dc.date.issued2007*
dc.date.submitted2020-05-28 16:16:47*
dc.identifier45879*
dc.identifier.urihttps://directory.doabooks.org/handle/20.500.12854/61492
dc.description.abstractSe uma biblioteca desempenha um papel primacial no sistema de organização e reprodução do saber, que nela se desdobra como num espelho límpido, o seu significado é intensamente plasmado pelo uso que dela é feito ao longo dos tempos. O Fundo Fascista acompanha toda a história da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra a partir de um momento nodal, tendo em linha de conta que a Sala Italiana foi fundada em 1928. Guarda tesouros da sua memória, documentando a história da Academia, do seu enquadramento internacional, do ensino nela ministrado e do lugar nesse quadro ocupado pelos estudos italianos, entre estratégias de visibilidade e de ocultamente.*
dc.languagePortuguese
dc.relation.ispartofseriesEstudos • Humanidades*
dc.titleUma biblioteca fascista em Portugal*
dc.typebook
oapen.identifier.doi10.14195/978-989-26-0490-9*
oapen.relation.isPublishedBy71c193a7-6c08-4e85-ae72-a002208589fd*
oapen.relation.isbn9789898074102*
oapen.pages144*
oapen.edition1.ª*


Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Except where otherwise noted, this item's license is described as https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/