Show simple item record

dc.contributor.authorSusana Durão*
dc.date.accessioned2021-02-11T21:35:29Z
dc.date.available2021-02-11T21:35:29Z
dc.date.issued2002*
dc.date.submitted2019-12-06 13:15:31*
dc.identifier39989*
dc.identifier.urihttps://directory.doabooks.org/handle/20.500.12854/55166
dc.description.abstractNa década de 1980 a renovação dos meios gráficos chegou finalmente a Portugal. Esta veio transformar um sector que se manteve durante séculos maioritariamente assente na composição e impressão de texto a partir de caracteres móveis tridimensionais em chumbo: a tipografia. Todo um universo sóciotécnico foi então abalado. Nas oficinas a tipografia passou para segundo plano, ultrapassada pela infografia e impressão offset, aguardando o desmantelamento definitivo da tecnologia que fica para a história como a «mãe das artes gráficas». O olhar etnográfico, legado da antropologia social e cultural, levou a autora a lugares onde a tipografia e os tipógrafos se fizeram ouvir até à viragem do século xx para o xxi.*
dc.languagePortuguese*
dc.subjectH1-99*
dc.subject.othertypography*
dc.subject.otherculture*
dc.subject.otherwork*
dc.subject.othertechnique*
dc.subject.otherPortugal*
dc.titleOficinas e tipógrafos : Cultura e quotidiano de trabalho*
dc.typebook
oapen.identifier.doi10.4000/books.etnograficapress.2636*
oapen.relation.isPublishedBye53dd581-5056-4059-8a0c-2f959e3151fe*
oapen.relation.isbn9791036516313*


Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record